fbpx
sódio baixo

Hiponatremia: como lidar com pacientes com sódio baixo

A melhor idade pode trazer consigo uma série de problemas que são diariamente enfrentados pelos idosos. Um exemplo presente em grande parte das pessoas na terceira idade é o sódio baixo. Isso acontece pelas próprias alterações fisiológicas do processo de envelhecimento. Desse modo, os rins já não respondem tão adequadamente.

Quando esse problema é detectado, o profissional da saúde passa a introduzir uma abordagem cujo objetivo é melhorar os níveis do mineral no sangue. Afinal, a queda nas quantidades, também conhecida como hiponatremia, pode acarretar consequências graves ao paciente.

Neste artigo, tratamos um pouco mais sobre o assunto, bem como reunimos algumas opções de tratamento que podem trazer um resultado eficaz. Continue lendo!

Quais são os fatores que levam ao sódio baixo no sangue?

Os baixos níveis de sódio no sangue são observados com mais recorrência em pacientes hospitalizados e em idosos. Contudo, existem várias situações em que o problema pode se manifestar. Entre eles:

  • excesso de açúcar no sangue, causado especialmente pelo diabetes;
  • vômitos ou diarreias constantes;
  • enfermidades relacionadas ao acúmulo de líquidos no corpo;
  • medicações que retêm líquidos;
  • uso de entorpecentes;
  • consumo excessivo de bebidas diuréticas, mais comuns em casos de patologias psiquiátricas.

Quais são os indicadores padrões para o diagnóstico da hiponatremia

Convencionamos que os níveis considerados normais de sódio no sangue devem estar acima de 135 mEq/L e no máximo 145 mEq/L. Exames que apresentam valores inferiores a esse devem ligar o sinal de alerta no médico. Logo, tona-se necessária a implementação de tratamento específico, buscando a normalização.

Como o sódio baixo no sangue pode gerar consequências ao paciente?

O sódio baixo no sangue pode trazer diversas consequências, como sonolência, dores de cabeça, enjoo e até vômitos. Contudo, também é possível que o paciente tenha problemas mais graves, como disfunção e edema cerebral ou coma.

Além disso, algumas pessoas podem ter crises convulsivas e contrações espasmódicas musculares. Uma abordagem interessante direcionada aos problemas cardiovasculares causados pelo sódio baixo no sangue é o nutracêutico VazGuard™.

Amplamente indicado para a saúde cardíaca e modulação da síndrome metabólica, ele é formulado com o sistema de liberação denominado Phytosome®. Dessa forma, é capaz de otimizar a absorção biológica dos polifenóis existentes na bergamota, um dos principais ingredientes da fórmula patenteada. VazGuard™ demonstrou ser eficaz no suporte de níveis sanguíneos saudáveis de colesterol total, LDL, HDL e triglicérides.

Quais as abordagens que podem ser adotadas no tratamento?

A principal abordagem terapêutica para o tratamento da hiponatremia é a administração de sódio por via intravenosa na quantidade necessária até chegar à normalização. Portanto, essa é uma forma de solucionar o problema e os efeitos colaterais que podem existir, mas se faz necessário entender a causa do problema.

Nesse sentido, o tratamento mais indicado será remover as causas que levaram à diminuição dos níveis de sódio, principalmente aquelas que estão ligadas ao estilo de vida. Medicamentos também podem ser prescritos.

Por fim, em casos de detecção do sódio baixo no paciente em seus exames de sangue, a ação deve ser imediata. Isso porque apenas uma investigação aprofundada poderá indicar o tempo em que ele se encontra nessa situação. E adotar medidas rapidamente é primordial para evitar problemas mais sérios.

Se este conteúdo foi útil para você, então, assine a nossa newsletter para continuar recebendo nossos conteúdos em primeira mão.

Converse com especialista

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.